Miniconto sob Inspiração de Nabokov

O metacomediante subiu ao palco e se apresentou como o humorista sádico. Contou algumas piadas de sucesso para relaxar a plateia e iniciou a parte relevante de seu show. Narrou as desventuras daquela mulher que era tão esquecida, mas tão esquecida, que confundira o rosto de seu marido com o do vizinho e acabara indo dormir na cama errada. O metacomediante fez a obrigatória pausa para que todos pudessem rir e, então, acrescentou a informação de que a mulher fora posteriormente diagnosticada com Alzheimer. Poucos perceberam o objetivo da metapiada e riram do fato de terem rido.

facebooktwittergoogle_plusmail