Galáxia 2000, n. 1, revista de ficção científica

A segunda revista nacional de ficção científica, a Galaxia 2000, editada pela O Cruzeiro, a partir de 1968, teve vida curta, com apenas seis exemplares. Assim como ocorreu com a Fantastic (veja aqui), a Galaxia 2000 era a versão brasileira de uma revista americana de ficção científica, agora da The Magazine of Fantasy and Science Fiction. Aquilo que torna a Galaxia 2000 deveras interessante a meu ver é, além da qualidade dos textos que a integram (e o primeiro número já abria com a presença de Jorge Luis Borges), o fato de ser amplamente ilustrada. Aos interessados, compartilho abaixo a relação do conteúdo desse primeiro número, além de uma amostra da qualidade das ilustrações.

Conteúdo do número:

  • Descoberta nas Matas – Graham Greene
  • Olhos Sentem mais que Vêem – Isaac Asimov
  • O Síndrome de Randy – Brian W. Aldiss
  • Rapsódia das Estrelas – Jravleva Valentina
  • O Bruxo Postergado – Jorge Luis Borges
  • Ma-Hôre – Rachel de Queiroz
  • A Isca – Bob Leman
  • A Grande Tacada Espacial – J. W. Schutz
  • A Neve Verde – Miriam A. Deford
  • Análise Dimensional e Mr. Fortescue – Eric St. Clair
facebooktwittergoogle_plusmail