Duas Listas

Algumas Cidades de Minas, ou a colonização do Estado

Estrela Dalva! Matutina. Boa Esperança. Confins, entre rios de minas – lavras, ouro fino, fortuna de minas. Galiléia, jordânia, nova belém! Paulistas. Rio acima, extrema piracema, pouso alto, fronteira, cascalho rico, pedra bonita, pedralva, cristais. Bandeira, coluna, abre-campo, passos, borda da mata, machado mata verde: dores de campos, pedras de maria da cruz. Rio Espera.

Passatempo – passabém. Espera feliz. Maravilhas, bonfim. Descoberto: catas altas, belo vale, pedra dourada, ouro preto, ouro branco, divino. Resplendor. Fama, moeda, olhos d’água. Casa grande, capelinha, monjolos, ponte nova.

Passatempo – nova era. Rio casca, águas vermelhas, barroso, sem-peixe. Poço fundo, rio preto, piedade do rio grande.  Ladainha, capela nova. Serra da saudade, soledade de minas. Reduto formoso, canaã.  Liberdade!

Alguns Rios de Minas, ou o tráfico de escravos

Cabo Verde, São Tomé. Preto fanado, grande.  Picão, corrente grande, cipó, poço fundo: manso. Paciência. Brumado. Peixe, bacalhau, fubá, feijão cru? Amparo? Mortes pequeno? Mortes.

Fumaça: Glória! Doce são francisco.  Monos, bagre, capivara, cervo, pomba, caranguejo, jacaré.  Roça Grande. Pardo grande, pardo pequeno. Pardo, pardo, pardo. Mortes pequeno? Mortes.

facebooktwittergoogle_plusmail